Buscar
  • rodolfominari

PONTÊI

Tem uma viola

No teu peito pequenino

Sabiá

Eu quase choro

Toda vez que tu te pões

A ponteá

Parece encanto

Cada nota que o teu canto

Sabe dá

Pru riba

Das bananeira

Nos gaio

Da laranjeira

Eu vi

Assubiá

Se o mio vingô

Se as planta cresceu

Se o vento chegou

Se a chuva desceu

Se a menina aprendeu a cartía

Se ainda vai demorá

Se eu vivi pra casá minha fía

Se Jão vai no meu lugá

Tudo é motivo pra cantá

Quando se é um

Sabiá

Mas não sou passarinho

Não voo num prado

Meu peito é cravado

De marcas de amor

Eu canto num vale

Sozinho, cansado

Meu canto num vale

Um centavo, uma flor

Só que eu não tenho corage

De deixá de cantá, meu sinhô

O samba me dá calor

E a capoeira, arrepio

No pandeiro do véio me fio

E a viola faz avuá

Faz silêncio! Pra escutá

O assubio do

Sabiá

0 visualização

Editora3Serpentes©2018

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now